OBRIGADA POR SEGUIREM O MEU BLOG

domingo, setembro 30, 2012

A FALA DE UM BESTALHÃO COVARDE E ARROGANTE:



Vejam este senhor. É Mark Thompson. É o chefão da BBC. Traduzo, abaixo, texto publicado no ultimo dia 29 pelo The Christian Institute sobre uma entrevista por ele concedida. Leiam. Volto em seguida.




Mark Thompson: Eis um homem corajoso contra quem não pode lhe fazer mal!

Mark Thompson: Eis um homem corajoso contra quem não pode lhe fazer mal!


O chefe da BBC, Mark Thompson, admitiu que a rede BBC jamais zombaria de Maomé como zomba de Jesus.  Ele justificou a espantosa confissão de preconceito religioso dando a entender que zombar de Maomé teria o mesmo peso emocional da pornografia infantil. Mas tudo bem zombar de Jesus porque o cristianismo suporta tudo e tem pouca relação com questões étnicas.

Thompson diz que a BBC jamais teria levado ao ar “Jerry Springer -The Opera” — um polêmico musical que zomba de Jesus — se o alvo fosse Maomé. Eles fizeram essas declarações numa entrevista para um projeto de pesquisa da Universidade Oxford.

Thompson afirmou: “A questão é que, para um muçulmano, uma representação teatral, especialmente se for cômica ou humilhante, do profeta Maomé tem o preso emocional de uma grotesca peça de pornografia infantil”. O porta-voz da BBC não quis comentar as declarações.

No ano passado, o ex-âncora da BBC Peter Sissons disse que é permitido insultar os cristãos na rede, mas que os muçulmanos não podem ser ofendidos. Sissons, cujas memórias foram publicadas numa série no Daily Mail, afirmou: “O Islã não pode ser atacado sob nenhuma hipótese, mas os cristãos, sim, porque eles não reagem quando são atacados”. O ex-apresentador disse também que os profissionais têm suas respectivas carreiras prejudicadas se não seguem essa orientação da BBC.

Voltei

Acho que está tudo aí e que não poderia haver evidência mais miserável destes dias. Bem, meus caros, qual é ponto deste “blogueiro reacionário”, como dizem alguns autoritários idiotas, que não se conformam com o fato de esta página ter sido acessada, só ontem, 107.420 vezes?


Por mim, todos os temas da cultura — inclusive as religiões — podem ser objetos de representação teatral. O corajoso Thompson, no entanto, acredita que os muçulmanos devem ser preservados de qualquer abordagem, irônica ou não, porque, ora vejam, eles não gostam. Para o chefão da BBC, uma ironia com os islâmicos pode ser tão grave quanto à “pornografia infantil”.

Com os cristãos? Ora, com esses, vale tudo. Nota: o cristianismo é hoje a religião mais perseguida do mundo; é a religião que tem o maior número de fiéis assassinados em razão de sua escolha. E os perseguidores são… grupos muçulmanos! Isso não torna culpados todos os muçulmanos? Não! Apenas os perseguidores.


Convenham: o senhor Thompson é, antes de tudo, um farsante. E é a prova viva de uma frase deste escriba no livro Máximas de Um País Mínimo: “Os covardes pregam a morte de Deus no Ocidente; os verdadeiramente corajosos pregam a morte de Alá em Teerã”.

O Sr. Thompson, como se vê, não tem nem mesmo a coragem de fazer uma piada com Alá em Londres. Ele só é ousado quando sabe que o outro lado não vai reagir.
Em suma, é um bestalhão covarde e arrogante.


Por Reinaldo Azevedo

Blogs e Colunistas




Nenhum comentário:

Postar um comentário