OBRIGADA POR SEGUIREM O MEU BLOG

sábado, outubro 05, 2013

A IGREJA E OS DESAFIOS DO SÉCULO XXI



Pós-Modernidade” (Jean François Lyotard), ou “Alta Modernidade” (Anthony Giddens).

Texto: Apocalipse 3. 14 – 20:

Período da Igreja de Laodicéia


Laodiceia: “Direito do Povo”, é a “Igreja Morna”;
Que Não recebeu nenhum ELOGIO do Senhor.


Introdução: -  A Igreja e os seus Desafios no Século XXI.   “O Século XXI começou sob o aparição da inquietação mundial, motivada pelos atentados terroristas que abalaram várias importantes cidades do mundo. Em 2004, aconteceu o terrível tsunami, na Ásia, que deixou um rastro de destruição de vidas. As guerras declaradas, ou não, perturbam os líderes mundiais, que não sabem o que fazer para prevenir ou evitar conflitos”.  Sem contar com o problema Financeiro Mundial.

§    Os Perigos da Pós-Modernidade discorre sobre a urgência de a Igreja, nesses tempos trabalhosos, agir, não sendo uma mera expectadora, mas a protagonista, (astro, ator principal) influenciando, e não sendo influenciada. Como “sal da terra e luz do mundo” (Mt 5. 13 – 16), ela deve posicionar-se contra o pecado e ter respostas para um mundo dominado por materialismo, falsa ciência e tantos outros males Pós-Modernos. (Mt 24. 6 – 12): “Porém tudo isto é o princípio das dores” (v. 8).

§    Em Salmos 11. 3, a Palavra de Deus apresenta um desafio a Igreja: “Na verdade, que já os fundamentos se transtornam; (transformam; decompõem; alterar-se;) que pode fazer o justo?” - (Elinaldo Renovato).

§      Neste Século XXI, os valores estão sendo invertidos; a valorização do homossexualismo na mídia; o aborto é um direito da mulher; o casamento não é mais importante; a família estar perdendo o seu valor; uma criança pode ter dois pais do mesmo sexo; tudo é relativo, inclusive a verdade; a tecnologia a serviço do mal; o falso amor; e O PIOR: A igreja do Senhor estar vivendo a Mornidão Espiritual e a Falta de Amor.  - (Ap 3.15; Mateus 24. 12). Século difícil para a Igreja!

I.     OS VÁRIOS TEMAS QUE MARCAM O SÉCULO XXI
    O Século que a Ponta a Volta de Jesus Para a Sua Igreja.

1.           Apostasia
2.           Astronomia
3.           Clonagem
4.           Código da Bíblia
5.           Falsos Cristos
6.           Fanatismo
7.           Fome
8.           Imoralidade
9.           Israel
10.     Nova Era
11.     Nova Ordem Mundial
12.     Orgia em todas as suas formas
13.     Pertinência
14.     Projeto 666
15.     Riqueza
16.     Sinais do Anticristo
17.     Terremotos
18.     Violência
19.     Revolução Digital
20.     Divórcio (Lucas 17. 27: “... comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ...”).

(Livro: - SINAIS DA VOLTA DE JESUS: - do Pr. Edivaldo Nascimento).

§    A “Dispensação da Igreja já tem 1983 anos; nunca uma Dispensação durou tanto; vamos supor que esta Dispensação durasse 2000 anos, então só faltam: 30 anos, e estaria completando em 2043. - Que eu, duvido que o Senhor vá esperar chegar lá!


§    A Pergunta é: Você Crente, aguentaria chegar em 2043, com tudo que você estar vendo acontecer fora e dentro da Igreja?


§    Estamos na última “Era” da Igreja; o último “Estágio” da Igreja na Terra; e diferente de todas as Eras anteriores.

 II.     O QUE A IGREJA PRECISA DESAFIAR NO SÉCULO XXI

(Ap 3. 15 – 18). - A Palavradesafio”, significa: aborrecer; confrontar; chamar ao desafio; NÃO RECEAR.


v   Primeiro a Igreja Precisa Desafiar e Vencer Três Inimigos Principais:


1)  A NOSSA TENDÊNCIA CARNAL: - Para o primeiro desafio precisamos da Lei da Cruz, (Mt 16. 24, 25): Rendição total;     (Disposição; Intenção ...).

2)  NOSSA PAIXÃO MUNDANA: - Para o segundo desafio precisamos de Auto Disciplina, (I Co 9. 24 – 27). – [Entusiasmo; amor pela coisas do mundo...] (I Jo 2.  16).

3)  NOSSA FRAQUEZA PECAMINOSA: - Para o terceiro desafio precisamos de Perseverança no Auto Controle. (Hb 12. 1- 3) – Deixar todo embaraço e olhar para Jesus. (Vs. 1, 2).

§   Estamos disposto a desafiar o PECADO em todas as suas formas (Pecado no singular, trata da nossa Natureza Pecaminosa). E mais:

§    Estamos dispostos a confrontar os nossos PECADOS? – Fruto da nossa Natureza Pecaminosa?

 O Perfil da Igreja de Laodiceia Era:


Pois dizes: Estou rico e abastado, e não preciso de coisa alguma...” - Arrogância Espiritual - “Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta, e nem sabes que tu és infeliz, sim, miserável, pobre, cego e nu. (Ap 3:17).  O Senhor diz: Conheço as tuas Obras (v.15): O Senhor conhece a nossa intimidade.


ü   São infelizes, porque nem tem mais a felicidade, o gozo da salvação.

ü   São miseráveis porque não têm como comprar o perdão de seus pecados.

ü   São nus porque não têm roupas adequadas para se apresentarem diante de Deus.

ü   São cegos porque não conseguem enxergar sua pobreza espiritual.


A Igreja em Laodiceia havia se transformado em uma comunidade insípida e repugnante. Seus crentes não adotavam uma posição definida, e a indiferença os levava  à ociosidade e à preguiça


Jesus Identificou Falta de Fervor Espiritual da Igreja de Laodiceia


Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; oxalá foras frio ou quente!” (Ap 3:15).  Faltava à igreja fervor espiritual.

A vida espiritual da igreja era morna, apática, indiferente e nauseante.  [Apática: - indolente; insensível]. Não esqueça que o perfil desta Igreja é o perfil da igreja Atual.


III.          ESTAMOS PRONTOS À DESAFIAR ESTE SÉCULO?

Só Existe Uma Forma:

Paulo em Romanos 12. 2 diz: “E não vos conformeis com este Século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus”.

O verbo “apresenteis” (gr. parastesai, “receber desafio”) pode ter a conotação de “colocar-se a disposição de” ou “submeter-se”.

§    Romanos 12. 2, diz: “E não vos conformeis com este Século”. Significa, não formar ou moldar.

Em vez de ser moldado pelos valores do mundo, a Igreja é dito transformai-vos, ou seja, a igreja devem mudar pela renovação do entendimento.  A transformação espiritual começa na mente e no coração.

Nós podemos resistir às tentações da nossa cultura meditando na verdade de Deus e deixando que o Espírito Santo guie e molde nossos pensamentos e comportamentos.


Conclusão: - Cristo chama os crentes de Laocideia de: Complacentes, negligentes, inertes, indiferentes e coniventes com o mal (v. 20). Mas, Cristo oferece ouro para nossa pobreza, vestes brancas para nossa nudez e colírio para os nossos olhos cegos (Ap 3; 17 – 18).

O conselho do Senhor para quem quer confrontar, desafiar o Século XXI, está em Ap 3. 19b e 20. “Sê, pois, zeloso e arrepende-te. (v. 20) Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo. (v. 22) Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às Igrejas.  

Amém!



Mensagem Preparada por,
Pra. Maria Valda,

Para a Festa da Igreja da Taquara.

Pr. Pres. Francisco José

Nenhum comentário:

Postar um comentário