OBRIGADA POR SEGUIREM O MEU BLOG

domingo, junho 12, 2016

HILLARY CLINTON RECEBEU ... DE IGREJA EVANGÉLICA AFRICANA ...

15 de junho de 2015


DAILYMAIL: INSTITUIÇÃO BENEFICENTE DE HILLARY CLINTON RECEBEU 10 MILHÕES DE DÓLARES DE IGREJA EVANGÉLICA AFRICANA — APESAR DO ATIVISMO HOMOSSEXUAL DE HILLARY



Julio Severo


A instituição beneficente de Hillary Clinton recebeu, de acordo com o jornal britânico DailyMail, uma doação de 10 milhões de dólares de uma igreja africana cujas doutrinas são opostas ao “casamento” gay e outras ideologias homossexuais defendidas por Hillary.




A candidata a presidente dos EUA em 2016 recebeu dinheiro da Convenção Batista de Camarões cuja política oficial é que a conduta homossexual “contradiz o propósito de Deus para a sexualidade humana. ”

A organização evangélica doutrinariamente conservadora tem também tido uma postura de crítica às tentativas dos EUA imporem a agenda gay em Camarões. Aliás, Hillary foi um dos cérebros por trás do atual imperialismo homossexual do governo dos EUA, inclusive idealizando o cargo de embaixador homossexual mundial no Departamento de Estado dos EUA.

Apesar disso, a diretoria médica da Convenção Batista de Camarões deu entre $1 milhão e $10 milhões entre 2010 e 2015, de acordo com a lista mais recentes de instituições que fizeram doações para a Iniciativa de Acesso à Saúde de Clinton.

A revelação dessa informação será um constrangimento para os evangélicos conservadores da África, pois o dinheiro deles está financiando uma americana que tem declarado publicamente que ela apoia o “casamento” gay e muitas outras questões homossexuais, inclusive o aborto e o controle populacional, que são ofensivos à Bíblia.

Talvez a denominação batista africana, ao reconhecer que a igreja dos EUA abençoou a igreja da África por muitas décadas, queira retribuir a bondade. Contudo, eles deveriam financiar pastores evangélicos conservadores americanos como o Rev. Scott Lively, cujas convicções cristãs são similarmente contra a tirania homossexual e o imperialismo homossexual de Hillary.

Hillary não precisa de dinheiro evangélico. Ela tem recebido apoio de celebridades homossexuais como Ellen DeGeneres e Elton John, e muitos outros fortes defensores da ideologia gay.

Os apoiadores de Hillary incluem também a entidade financeiramente poderosa Fundação Bill & Melinda Gates, conhecida por sua postura de favorecer o controle populacional, o aborto e a sodomia.

Por que a Hillary pró-aborto e pró-sodomia, que recebe dinheiro de bilionários pró-aborto e pró-sodomia, precisaria de dinheiro também de instituições evangélicas doutrinariamente conservadoras na África?

Essa situação horrível ajuda a dissipar duas ideias erradas. Geralmente as pessoas acham que os africanos estão sempre em necessidade de dinheiro e assistência. Essa rica igreja africana mostra que eles são tudo, menos pobres. Outra ideia errada é achar que todo investimento em líderes políticos americanos leva a um mundo melhor e conservador. Essa igreja pobre (não num sentido financeiro) tem uma doutrina correta sobre a homossexualidade, mas durante anos deu milhões para uma americana que é inimiga de sua doutrina. É inútil ter uma boa doutrina e não vigiar e orar.

Quando vigiamos e oramos, doamos nossos recursos de acordo com a Bíblia para pessoas e organizações que trabalham de acordo com fortes valores pró-família e pró-vida.

A doutrina sobre homossexualidade da Convenção Batista dos Camarões (CBC) é clara numa carta de dezembro de 2013 assinada pelo presidente Joseph Chebonkeng e pelo secretário-geral Godwill Ncham da convenção.

A carta diz: “Como igreja defendemos a convicção de que o casamento é celebrado entre um homem e uma mulher. Defendemos o princípio de que a relação sexual fora do casamento, a promiscuidade sexual, o adultério, a homossexualidade, a exploração sexual, o casamento de mesmo sexo, o incesto e a perversão sexual contradizem o propósito de Deus para a sexualidade. ”

Em contraste, as opiniões de Hillary não são a mesma coisa. Como é que a CBC não conseguiu notar tais diferenças fortes é um mistério, e um alerta para outros cristãos.

Numa entrevista a um site noticioso de Camarões o Rev. Chebonkeng explica mais suas convicções evangélicas. O entrevistador perguntou a ele: “Espiritualmente falando, de onde você acha que vem a ideia da homossexualidade? ”

Ele respondeu: “Vem do diabo porque não foi prescrita pela Bíblia, o que significa que se você pratica em desacordo com o que é certo, essas coisas estão vindo do mundo das trevas e eles sabem o que fazem com tais coisas, pois é impensável. Só recentemente, os camaroneses começaram a saber que um homem pode se casar com um homem. E muitas pessoas me confrontam para perguntar o que significa um homem ser casar com um homem? Você começa a imaginar algum tipo de coisa diabólica. Penso que os camaroneses deveriam ser resolutos em questões de homossexualidade e essas não são práticas que são comuns em nossas sociedades. Essas são ideias importadas, estilos de vida importados que são estranhos para nossa sociedade. É hora dos africanos abrirem a boca contra esse mal. ”

Ele também acusou os Estados Unidos de tentarem impor a agenda homossexual em Camarões.

Ele escreve: “O Ocidente está se aproveitando do fato de que dão assistência aos países africanos, achando que atrelarão as condições para ter essa ajuda à prática da homossexualidade ou à legalização da homossexualidade. Acho que é hora dos africanos e dos governos africanos mostrarem uma postura claríssima sobre esse assunto na cúpula da União Africana de modo que o Ocidente saiba. Há outros parceiros que podem nos dar assistência sem necessariamente atrelar essa assistência à homossexualidade e então eles não são os únicos que nos ajudam. ”

De acordo com seu próprio site, a Convenção Batista de Camarões data de 1841 e foi fundada por dois missionários jamaicanos, John Clarks e George Prince.

A CBC afirma ter 1.028 igrejas com cerca de 105.000 membros e muitos departamentos, inclusive o departamento de “Evangelismo e Missões” e o “Departamento de Educação Cristã. ”  

O departamento de saúde administra cinco hospitais e 74 postos de saúde em Camarões e a produção de drogas e um centro de distribuição.

O site da CBC diz que seu primeiro hospital, o Hospital Batista Banso, oferece serviços de planejamento familiar. Provavelmente, todos os hospitais e postos de saúde da CBC são provedores de planejamento familiar. De acordo com o NSSM 200, um documento do governo dos EUA que permaneceu confidencial por muito tempo, durante décadas o planejamento familiar foi integrado nos sistemas de saúde de nações do mundo inteiro. Para os de fora, isso foi apenas para o bem-estar da família. Para os planejadores no governo dos EUA, seu único objetivo era controle populacional, disfarçado de nomes com aparência bonita.

A África adotou o planejamento familiar, que é uma ideologia de controle populacional imposta pelo Ocidente. O que impedirá a África de adotar a homossexualidade como uma ideologia de controle populacional imposta pelo Ocidente?

A agenda homossexual e o planejamento familiar são ideologias compatíveis. Hillary Clinton adota ambas as ideologias. Uma igreja que adota uma acabará adotando a outra.

Uma igreja de planejamento familiar, ao investir na Hillary pró-controle populacional, apoia a agenda homossexual anticristã dela e contradiz completamente seu chamado e missão mais elevados.
A reportagem original do DailyMail atacou a igreja africana por sua postura antissodomia e apoiou Hillary.

Minha reportagem tenta convencer esta e outras igrejas a fazerem investimentos melhores e conservadores no futuro, e a evitarem as ciladas do controle populacional.

Eles querem dar 10 milhões para uma boa causa? Há excelente indivíduos e organizações cristãs combatendo a agenda gay tirânica com o bolso em grande parte vazio. Por que não os ajudar?



Com informações do DailyMail.
Leitura recomendada:


Nenhum comentário:

Postar um comentário